domingo, 16 de setembro de 2012

Vício: Refrigerante

Minha família conta em tom de “gracinha” que, aos três anos de idade, fiz uma viagem longa para o Nordeste. Com o calor forte meus pais enchiam a minha mamadeira de água e sucos industrializados. Entretanto, eu não aceitava beber nada daquilo!



Depois de muito insistirem, meus pais, preocupadíssimos, me levaram ao bar de um tio-avô, que ficava ao lado da casa onde estávamos hospedados, para comprar minha bebida predileta: refrigerante. 

Depois de algumas idas ao pequeno bar com meus pais, aprendi o caminho. E sempre que possível fugia para pedir ao prestativo tio-avô que enchesse a minha mamadeira da bebida borbulhante mais saborosa e viciante do mundo. 

Desde então, não tenho uma lembrança sequer, na qual, o refrigerante não estivesse presente nos almoços, lanchinhos, jantares e, principalmente, na hora da sede! Até hoje tenho uma dificuldade imensa em beber água.

Sempre que me proponho a parar com esse vício, me sinto como uma alcoólatra em recuperação. Minha boca seca, fico sem energia e chego a sentir depressão quando sinto o cheirinho do guaraná. Passo o dia abrindo a geladeira, como se, por encanto, as garrafas de refrigerante fossem brotar geladinhas e irresistíveis!

Faltando apenas três dias para começar a dieta, eu adoraria ser um camelo pra armazenar litros de refrigerante em minhas corcovas, e não sentir os efeitos da abstinência. Mas, como isso, INFELIZMENTE, não é possível e a única coisa que tenho armazenado são CELULITES, vou me esforçar ao máximo a partir de segunda-feira. E, até lá, vou beber enquanto ainda posso! “Tim! Tim!”.

7 comentários:

Rosemary disse...

Adorei o post, você escreve muito bem.
Eu tenho uma amiga que tem uma filha de dois aninhos que é assim também, não gosta de água, só toma se for com gás ou aquelas bebidas gaseificadas.
Ah, vc já esperimentou o chá branco com lichia, que vendem no supermercado? É muito bom, acho que substitui perfeitamente o guaraná e é saudável.

Priscila Couto disse...

Ai difícil mudar hábitos né, mas já escutei em varias reportagens que não é bom eliminar tudo de uma vez por que qdo a vontade vem vc tomaria em dobro o refri, vai reduzindo e substituindo por refri zero. assim vc sentra menos a falta desse liquido e será mais facil continuar sua dieta.Pese nisso.

Bom fim de tarde
beijos

Mayara Liberal disse...

Refrigeranteé um dos nossos maiores inimigos...eu estou evitando o quanto posso... pois sei q não consigo tomar um copinho apenas...quando dá,substituo o refri por suco... ou água. não tem o mesmo gosto e nem proporciona o mesmo prazer,para nós q somos viciadas,mas pelo menos não fico com a consciencia pesada no final das contas... bjkas!

Bruna disse...

Eu tbm pensei que fosse complicado ficar sem refrigerante. Principalmente coca... Mas olha... estou na R.a não tem 2 meses, e eliminei 14 kg. Desde que me vi no fundo do poço, que decidi que deveria mudar, não coloquei mais ele na boca, e não sinto vontade. EU consegui assim,no inicio tinha refri na geladeira,mas eu n tomei, hoje minha mae nem compra mais... Se é tão complicado, e vc ter medo diminua a qtde que vc toma, e vai diminuindo aos poucos.Mas assim, vc pode mais. Vc te condiçoes de decidir o que será bem p vc e o que n será. Vc tem condições sim de dizer não... Vc refri não tem poder sobre mim... Trabalhe isso...

Deus te abençoe
Bjo
Bruna

Giovana disse...

Refrigerante é um vicio mesmo!!
Cresci tomando refrigerante tbm, pois morava no fundo do bar q meu pai tinha (temos ate hj mas minha mae cuida hj em dia) e ao contrario das outras crianças tomar refrigerante era normal pra mim.

Ja tentei por diversas vezes me livrar dele mas n consegui... =/

Hj em dia tento deixar somente p os findis...

Bjs!

Marília disse...

Como prometi estou acompanhando seu blog! Te espero no meu espaço tbém!!! =)

Tem sido muito difícil abandonar o vício de coca-cola, mas tenho me sentido bem melhor por ingerir líquido apenas meia h antes da refeição ou após, não mais durante... Mais saudável tbém!

O problema é que, de uma forma ou de outra, eu retenho muito líquido, fico muito inchada, principalmente nestes dias em que estou de tpm.

Você tem alguma dica??? =)

Bjs e boa sorte neste caminho!
Como dizem: #tamujunto
hehe!

Marília.

Luana Lima disse...

Duas! Também sou (era) viciada em refrigerante.
Mas ando (até agora) resistindo às tentações. Apreendi todo o meu dinheiro. Não gasto mais com refrigerante, rs.

Esqueci de colar meu blog lá no outro comentário: http://emagrecer2013.blogspot.com.br/

Abraço!