quarta-feira, 13 de março de 2013

Cobrança Alheia




Se existe uma coisa que não suporto é a cobrança alheia! Já não basta a minha “auto-cobrança”? Tantas vezes eu me acabo em lágrimas quando desisto de uma vida saudável. Não preciso mesmo de mais ninguém me cobrando comportamentos e resultados.

Basta dizer uma vez que está fazendo reeducação alimentar, que todos sempre vão perguntar: “Quantos quilos você já perdeu?”, “Vai comer só isso mesmo?”. E quando você desiste de tudo, tem sempre um idiota, na hora do almoço ou jantar, que faz o seguinte comentário: “Nossa, cadê a pessoa que só comia salada e grelhado?”. Minha vontade é responder: “Estou comendo tanto que fritei e comi ‘essa pessoa’ também!”. Cristo! Haja paciência para essas situações constrangedoras.

Muitas vezes eu relevo os comentários alheios, porque tenho a consciência que muitas pessoas fazem isso para o meu bem. Entretanto, aprendi a filtrar as manifestações de carinho e cuidado. E percebi que normalmente as pessoas fazem por pura maldade e desrespeito. Fico me indagando: Será que essas pessoas não têm vida própria? Se elas não tiverem, apenas desejo que comprem um gato e batizem com meu nome – se assim desejarem; e imploro que elas se esqueçam de mim e da minha balança!

8 comentários:

Meu emagrecimento disse...

Fora aos cobradores. Porque simplesmente não vivem a própria vida?
Não dá bola amiga.
Beijinhos

Brunna Duarte disse...

Super entendo sua revolta e esse tipo de comportamento de outras pessoas sempre me alterou, a ponto de eu decidir "ligar o foda-se" e comer como se não houvesse amanhã. Pra ficar bem, a gente precisa aprender a relevar e a "cortar" esse tipo de pessoa! Já basta a nossa autocrítica, que é enorme! Fique bem querida! Beijoss

.Mih Moreno. disse...

Normal viu... Meu último post fala mais ou menos disso tbm... pq nunca me disseram 'vc tá gorda', mas agora dizem: 'vc nao acha q vai ficar magra demais?'

A intenção do povo é tomar conta da nossa vida, do prato e da balança.

Qdo me dizem: 'nooooossa como vc ta magra q remédio ta tomando?' isso me magoa e me emputesse, pq eh como se eu não tivesse capacidade de emagrecer sem drogas.

Eu já corto: não tomo nada, como de tudo e não tudo como vc. (pronto, ja kebra a pessoa).

Tbm me dizem: que dieta vc ta fazendo? respondo: não faço dieta,faço reeducação.

Não deixo vírgula pra pessoa continuar falando...

A maldade sempre existirá qdo as pessoas se acharem superiores para julgar qm busca uma melhora própria.

Força gata! Boraaa mostrar pros intrometidos que a gente pode!

bjo
opcaosermagra.blogspot.com

Débora disse...

Concordo com você. Essas pessoas fazem por maldade. Minha tática é: não conto pra ninguém em quem eu não confie 100%.

As pessoas não conseguem construir suas próprias vitórias, e precisam destruir as nossas!

Odeio essa atitude, e esse tipo de gente. Não merecem nada além de desprezo.

FORÇA, garota. Esquece esses nojentos. ;)

Adriely disse...

Oi florzinha, sou nova aqui!!
Gostaria de uma visitinha!!
E realmente as vezes as pessoas nos frustam, mais e bom ouvir e entrar por um ouvido e sair pelo o outro!!
beeeijos

Luciana Kotaka disse...

Entendo bem o que sente, muitas pessoas na tentativa de ajudar faz o comentário sem perceber que nos incomoda, mas enfim, faz parte, afinal estamos rodeado de pessoas. Um beijo linda

Gi, Projeto Eu Fininha disse...

Por isso eu prefiro nem falar que estou de RA, por causa da cobrança estúpida de algumas pessoas que não sabem o quanto é difícil mudar hábitos de uma vida inteira (no meu caso mais de 30 anos) num passe de mágica. Desejo a você perseverança diante dos obstáculos. Beijos!

Gi, Projeto Eu Fininha disse...

Olha eu de novo... Tem selinho pra vc no meu blog.
Beijos
Gi
http://projetoeufininha.blogspot.com.br/